Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Thunderstorm

por Lazy Cat, em 02.10.07

Apetece-me dar um salto e andar aos pinotes no ar e depois saltar de nuvem em nuvem e de vez em quando mergulhar, dar murros e pontapés a esta vida que me chateia e mandar lá de cima para todos chuva de pedras e dores pequeninas, que se espetam devagar, e ficam ali escondidinhas, mas tão espertas as malvadas que atacam devagarinho, de cada vez que respiram, e em vez de palavras ouvem-se grandes suspiros pelas ruas das cidades, dentro e fora dos abrigos, abrem-se as mãos fechadas, tiram-se os olhos dos umbigos, procuram ver-se as caras e os olhos por detrás dos óculos escondidos. Procuram-se mãos, que seguram as nossas, abraços fortes, palmadinhas nas costas....procuram-se amigos. AMIGOS?! Ah...amigos, daqueles que sabem puxar-nos para tràs, para evitar o perigo, que sabem gritar o nosso nome bem alto ao ouvido, para nos lembrarmos quem somos e nos acendem a luz para vermos o caminho. Amigos que dos punhos façam mãos abertas e nos dêm equilibrio...amigos....Agora? agora há tempo para procurar olhares? Quando a alma dói constantemente há tempo para olhar à volta?

E que se espera tirando os olhos do umbigo? Mãos e braços em jeito de abrigo e palavras doces sussurradas ao ouvido? Onde está a semente? Aquela que guardámos ciosamente fechada na mão não, fosse ela germinar ao tocar no chão....e precisar de cuidado e atenção.

 

Apetece-me deixar cair estas pedras, devagar como quem deixa cair beijos, pesadas e lentas, que atravessem o ar e batam no corpo, furem a pele e atinjam a alma....Apetece-me. Ver o dia chorar, o mundo gemer e ficar sentada a ver!

publicado às 17:58


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog