Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



sempre

por Lazy Cat, em 29.07.08

 

Haverá sempre palavras que não se dizem e perguntas que não se fazem.

Haverá sempre silêncios que nenhuma presença preenche e sorrisos que nenhum brilho ofusca, e haverá sempre, na certeza dos dias que passam, a fraqueza momentanêa de quem faz da vida uma luta. Haverá sempre pontos de interrogação suspensos ao longo do caminho e razões que não o são porque dela não necessitam, para se procurar uma mão, um abraço, ou um semblante de carinho.

Porque a vida é feita de passos, de avanços e alguns retrocessos, do longo desespero das falhas e de exultantes e breves sucessos, antes que o tempo apague da memória dos sentidos o que sinto quando hoje olho para ti, preciso dizer que hoje me apetece abraçar-te, prender-te, reter-te, mimar-te, aninhar-te num colo que tem o teu tamanho certo, fechar os olhos e sentir-te, afagar-te a alma, ter-te perto.  

Haverá sempre respostas que não se dão e palavras que não se calam.

 

 

Photobucket

 

 

Letra da música

  

 

publicado às 17:30


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog