Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Frágil

por Lazy Cat, em 09.09.07
Frágil
rebento de sonho
entre luz e abandono
Frágil
de seda macia
em cama vazia
Frágil
união de retalhos
de beijos molhados
Frágil
fugaz fantasia
palavra, poesia
Frágil
silêncio que some
tua voz, meu nome

Piano after dark </p>

publicado às 10:17


11 comentários

De DarkMorgana a 11.09.2007 às 16:23

É preciso ser forte para se poder ser frágil...

beijos

De Mary Lamb a 11.09.2007 às 03:13

Uma casa muito branquinha! Adorei!
Beijos

De gata a 11.09.2007 às 01:09

Gosto das vossas visitas....beijos frágeis de gata e votos de uma excelente semana a todos.

De POETA VAGABUNDO a 10.09.2007 às 18:20

uma gata fragil...gostei do poema...
beijo vagabundo...porque quero:)

De mitro a 10.09.2007 às 14:42

Sim, somos frágeis,mas as borboletas também o são, e voam!

De Fábio Raimundi a 10.09.2007 às 14:31

Frágil como nosso ecosistema, em cujo habitat existo, onde me perco no abismo dos teus olhos!

Um beijo a esse poema lindo da Gata!
Fábio
www.fragmentosdoself.blogspot.com

De Fragil a 10.09.2007 às 08:15

"Frágil"




Aluga-se vida...

Muito bonita

Recheada de tudo

Amor e guerra

Raizes ao vento e murros na cára

No sentido mais verdadeiro e que fazem doer

________________________________

Frágil, que tema!!!! é-me até dificil de comentar.
De qq maneira ö sem duvida de se lhe tirar o chapeu, lindo poema.


Jokas "Frageis"

De V.A.D. a 10.09.2007 às 01:48

Ah...! Até o duro diamante enaltece a fragilidade, difractando a luz e sendo cortado por ela... :-)

Um beijo...

De Alê Namastê a 10.09.2007 às 01:40

Gata,
deixo beijos molhados.
Boa semana!

De ©õllyß®y a 09.09.2007 às 22:35

Fragilidade, que não é sinonimo de fraqueza...

Doce beijo

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog