Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Saudades...

por Lazy Cat, em 16.11.07

 

 

  

 

De abraços. De braços que apertam e lábios que sorriem. Saudade de cheiros, de cores, saudade de sabores. Saudades de silêncios e de me enroscar, de encontrar carinho e por lá ficar. Saudades de ti.

 

Saudades do mar em movimento continuo, saudades do luar nas dunas contigo. Saudades de te abraçar. De te ver e poder tocar. Saudades de ter saudades, saudades de estar só, saudades do aconchego do som da tua voz.

 

De gargalhadas espraiadas em tempos infinitos, de escondidos trejeitos, de risos e gritos. Saudades do jogo, que sabemos levar de planaltos em escarpas sem escorregar.

 

Saudades de olhar. E descobrir no teu mundo no fundo do teu olhar tudo o que sonho num segundo. Saudades de te saber de cor, de te sentir tão perto, de te sentir melhor.

Saudades de noites sem horas e dias sem despertador.

 

De saber. De saber sempre em que pé danças, de saber nos teus silêncios descobrir a mudança. Saudades de ser, de estar nos teus olhos, de te adormecer, de te ouvir respirar e sem sequer saber como recomeçar.

 

Saudades de ter saudades. De te querer e encontrar. Saudade de ver saudades nos teus olhos a brilhar. Saudades amor, de te amar.....

Tags:

publicado às 19:49


14 comentários

De tugafixe a 16.11.2007 às 22:43

Bem! Que profundidade!
Acho que qualquer dia venho cá "gamar" este. ( Se deixares )

Gostei muito!

Beijinhos!

De Lazy Cat a 16.11.2007 às 22:54

acho que vais ter que pedir...ou reescrever letra a letra no teu....e não roubas porque to entrego com muito gosto!

Beijo Tuga

De you know who a 16.11.2007 às 23:06

Gata quem procura em saudades um espaço assim procura 'home' como esse gesto da tua imagem que o E.T. nos ensinou porque o tocar num abraço, o sorrir num compasso, o olhar e vermo-nos nos olhos de alguém mesmo quando o dia se cansa e a noite não vem... são saudades de existir, de amar de mar, saudade de ir...ir e não voltar...

De saber das esperas, dos pensamentos, de todas as quimeras e firmezas ao vento.

Bisou.

De Lazy Cat a 16.11.2007 às 23:45

Agora percebi....ter saudades é amar...assim...just the way you know....and I do!


Bisou

De The Wolf a 16.11.2007 às 23:28

Vinha à procura de palavras roubadas...
e encontrei outras, que me tocaram...
roubadas para aqui, nunca...
é uma honra...

by the way...
Chapter VI done!

slurp de lobo!

De Lazy Cat a 16.11.2007 às 23:47

Visto, lido e comentado!

E a gata espera uma resposta do lobo.....

arranhadelas Lobo!!

...e um slurp

De redjan a 17.11.2007 às 02:41

.... e quando sabia que te teria sem ver-te, quando dizia que descobrir-te era ser eu, quando olhava para o dia e via a noite ... percebi então que me perdera algures num espaço onde me paraste. E entendi por fim aquelas letras daquela palavra ...

gr8 post lazy .... pus estas poucas a dançar por lá junto !!

De Lazy Cat a 17.11.2007 às 11:10

gravadas a sal e a fogo na alma, cobertas de espumas de ondas que se enrolam de cheiros e sabores que entram e se colam, de momentos parados no tempo dos tempos em que as saudades demoram...

e eu gosto do teu ritmo.....

Beijo de gata

De Carlos Lopes a 17.11.2007 às 10:19

Muito bonito, sentido, poético e com destinatário que não sabe o que está a perder ;-)

De Lazy Cat a 17.11.2007 às 11:15

...porque há palavras que o vento dispersa e passeia pelo ar sem pressa...e entrega num beijo, num recanto qualquer entre sorrisos que foram e outros que hão-de ser....

Beijo de gata e...fica atento, não deixes passar o teu vento....

De Rafeiro Perfumado a 17.11.2007 às 11:46

Mas aposto que não tens saudade de escrever a palavra sudade. É que contei pelo menos 22 saudades!

De Lazy Cat a 17.11.2007 às 12:04

...de rir à garagalhada também já não!!!!!

ahahahahahahahahahah

Quando n vieres do contra, deixo-te um beijo, cão rafeiro! Por enquanto....arranhadelas!!!

De mnike30 a 17.11.2007 às 19:55

Ai Gata...

O quanto eu miei ao ler estas tuas palavras!!!!

Beijinhos

De V.A.D. a 17.11.2007 às 22:41

Saudades de um futuro que não se sabe poder vir a existir...?
Saudades de um passado a ser reinventado...?
Bom final de sábado!

Um beijo... :-)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog